Blog Magic Web Design

Acesse o site

M-commerce e social commerce: tendências para compras pela internet

e-commerce-m-commerce

Seguindo o movimento do e-commerce no Brasil, que alcançou quase 25% de crescimento no primeiro semestre de 2013, o mobile commerce vem se destacando como uma das formas de compra que mais se desenvolve no País, englobando todas as transações de compra e venda realizadas através de dispositivos móveis. Vários fatores têm contribuído para que esse sistema de compras cresça a cada dia, como o fato de a venda de smartphones ter superado a de celulares comuns no segundo semestre deste ano no Brasil, segundo relatório do IDC Brasil, o que significa que 8,3 milhões de smartphones foram vendidos, alcançando 3% de crescimento no setor entre abril e junho de 2013.

Outro elemento que tem sido considerado um incentivador do m-commerce é o varejo omnichannel, que utiliza todos os canais possíveis para vender produtos, indo até os consumidores, seja nas mídias sociais, seja nos smartphones ou mesmo nas lojas físicas. Somado ao showrooming, prática que tem se tornado comum e na qual os consumidores testam, experimentam e provam produtos nas lojas físicas, mas compram por um preço menor ou mais acessível pela internet, comprar através de aparelhos móveis tem se tornado comum, apresentando crescimento de volume transacional de 1,3% em junho de 2012 para 2,5% em janeiro de 2013 e 3,6% em junho de 2013.

Mas não é apenas o preço que faz que os consumidores tomem a decisão de utilizar smartphones e tablets para fechar compras ao invés de optar pelo bom e velho PC ou ainda pelas lojas físicas. Projetos de aproximação de consumo e aplicativos têm facilitado e muito a vida de consumidores que não têm tempo ou paciência para fazer compras em shoppings, lojas e supermercados ou ainda já tiveram experiências ruins ao comprar alguma coisa pela internet e receber algo completamente diferente em questão de qualidade e usabilidade. Para auxiliar esses consumidores muitas empresas já estão utilizando o recurso de realidade aumentada para mostrar se o objeto que pretende ser comprado combinará com a decoração da casa, por exemplo. E é exatamente isso que o aplicativo Augment, citado na edição deste mês da PC Magazine e disponível para iOS e Android, promete fazer ao inserir nos aparelhos imagens reais dos produtos comercializados, possibilitando visualização em todos os ângulos e tomada de decisão sobre a compra com toda certeza de como o produto se encaixará no ambiente, sem enganação.

Augment

Exemplo de funcionamento do Augment

Além do m-commerce, outro termo do comércio que tem sido muito utilizado e tem ganhado fama é o social commerce, que integra o e-commerce com as mídias sociais com o objetivo de permitir o compartilhamento de informações, conselhos, indicações e reclamações sobre serviços, produtos ou empresas entre usuários de sites de relacionamento. Nessa onda, surgiram também o F-commerce, que engloba o comércio realizado pelo Facebook, e o Twitter commerce, com o microblog como pano de fundo para o comércio. Entretanto, algo que desde sempre desestimulou compradores em mídias sociais foi o enorme formulário a ser preenchido para a validação e o pagamento da compra. Dessa dificuldade nasceu a Chirpify, uma plataforma desenvolvida para Twitter e Facebook, também citada pela PC Magazine, que permite que produtos de determinadas lojas acopladas ao serviço sejam comprados com apenas um tweet ou um comentário com a palavra “buy” na publicação relacionada. Dessa forma, o usuário compra, doa ou até envia pagamentos sem pagar nada a mais pelo serviço, que é descontado das empresas em cerca de 2,9% a 5% do valor da venda com acréscimo de 30 centavos de dólar por transação.

Ao que parece, e como indicam os números de diversos estudos da área, a tendência é que o e-commerce, o m-commerce e o social commerce cresçam cada dia mais, tornando-se uma das principais formas de os consumidores buscarem tanto informações sobre os produtos e serviços como de fato realizarem transações via web e dispositivos móveis.

Continue acessando o Magic Blog para acompanhar nossa série de posts sobre e-commerce e tudo relacionado ao assunto no Brasil e no mundo. Aproveite também para obter mais informações sobre a a Venda a Jato, empresa da Rede Magic que atua no mercado de comércio eletrônico há mais de sete anos.

Veja também: Borba fala sobre segurança em e-commerce ao Programa e-Manhã.

——————————————————————————————-

A Magic Web Design desenvolve, desde 1996, soluções completas para empresas de todo o Brasil nas áreas de internet e multimídia, com web sites, gerenciamento de redes sociais, sistemas on-line, lojas virtuais (e-commerce), apresentações multimídia e diversos outros serviços.
http://www.magicwebdesign.com.br/

Series Navigation<< E-commerce é fenômeno de crescimento e ganha série especial no Magic BlogTecnologia a favor do e-commerce >>
Pin It

Comentários Facebook

7 Respostas para M-commerce e social commerce: tendências para compras pela internet

  1. Muitas são as possibilidades desse setor hoje.

    • Magic Web Design disse:

      Olá, Patricia.
      Realmente, nos dias atuais existem muitas possibilidades em mobile commerce. Acompanhe sempre o Magic Blog e fique por dentro de dicas sobre esse e vários outros assuntos relacionados a internet e tecnologia.

  2. Pingback: Sites de e-commerce x Realidade dos aparelhos móveis | Magic Blog

  3. Pingback: Facebook determina mudanças na forma de pagamento de anúncios | Magic Blog

  4. Pingback: Login social como ferramenta de e-commerce | Magic Blog

  5. Pingback: Pagamento mobile se destacando entre consumidores | Magic Blog

  6. Pingback: Internet censurada na China: como funciona | Magic Blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*