Blog Magic Web Design

Acesse o site

O que significa a compra do LinkedIn pela Microsoft?

Microsoft compra LinkedIn - Magic

A Microsoft acaba de fazer a compra mais cara de sua história: por US$ 26,2 bilhões (cerca de R$ 94 bi) a empresa adquiriu o LinkedIn. A rede social possui dados impressionantes que justificam tal investimento.

Atualmente, tem mais de 430 milhões de usuários cadastrados, 45 bilhões de pageviews por trimestre e ultrapassa 7 milhões de vagas ativas de emprego. Tudo isso somado a um crescimento de 19% ao ano – dado confirmado pelo próprio LinkedIn.

CEOs Microsoft e LinkedIn - Magic

O CEO da mídia social, Jeff Weiner, revelou em uma publicação pessoal quais são as possíveis mudanças agora que a rede de relacionamento corporativo foi incorporada à fabricante do Windows.

Para ele, a nova fase possibilita conexões integradas com Outlook, Calendar, Active Directory, Skype, Cortana, Bing e, principalmente, Microsoft Office. O serviço Lynda, que pertencia ao grupo LinkedIn, tem a oportunidade de compor os produtos, oferecendo conteúdos patrocinados aos usuários da marca, por exemplo.

Lynda LinkedIn - Magic

A Microsoft vem mostrando amplo interesse em desenvolver conteúdo para a área de business. Não é à toa que o Office 365, totalmente on-line, ganha cada vez mais funcionalidades. Nos últimos meses a empresa também comprou os serviços Suprisse e Wunderlist.

Na parte visual, espera-se um novo design, já que muitos usuários consideram o layout do LinkedIn ultrapassado.

Layout LinkedIn - Magic

Weiner acredita que a combinação da nuvem com a rede do LinkedIn é capaz de mudar o jeito como o mundo funciona, e afirma que nos últimos 13 anos a Microsoft vem se posicionando para conectar profissionais e torná-los mais produtivos e bem-sucedidos.

Ainda restam alguns detalhes burocráticos que devem ser resolvidos até o fim do ano, mas por enquanto os usuários podem ficar tranquilos, o site continuará em funcionamento. Aguardamos ansiosamente as mudanças 🙂

 

Leia também: Como cancelar a sua assinatura no Spotify

 

Pin It

Comentários Facebook

2 Respostas para O que significa a compra do LinkedIn pela Microsoft?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*